Solitária…

Essa eu tive que quibar:

Homem diagnosticado com “coma” passa 23 anos consciente

Rom

Um erro de diagnóstico fez um homem passar 23 anos consciente e amarrado a uma cama enquanto médicos pensavam que ele estava em coma, na Bélgica.

Rom Houben, que tinha 23 anos quando sofreu um acidente de carro que o deixou completamente paralisado, foi submetido a vários exames normalmente utilizados para diagnosticar o coma, baseados em respostas motoras, verbais e oculares. Ele, no entanto, escutava e via tudo o que acontecia à sua volta, sem conseguir se comunicar com médicos, familiares e amigos.

Apenas alguns meses atrás, exames com aparelhos de tomografia de última geração mostraram que seu cérebro estava funcionando de maneira praticamente normal.

Houben foi então submetido a várias sessões de fisioterapia e, agora, consegue digitar mensagens em uma tela de computador.

***

Responda depressa: qual foi a primeira mensagem digitada por Rom?

a) “C*%#@ralhooooooooooooooooooo!!!”

b) “Rom entra na sala…”

c) Pela última vez: tirem da RedeTV!!!!!

d) “O diagnóstico errado eu até perdoo. Mas o enfermeiro veado do 6º andar… ah! Esse eu quero pegar de porrada!”

e) “Antes eu estivesse em coma. O babaca aqui passou duas décadas com uma maldita coceirinha no c*!”

Anúncios