Churrascão?

Dicionário gaudério…

O sotaque mais xucro, grosso e assustador de todo o universo conhecido(e do desconhecido também) é o nosso, oriundo do gaúcho bravio,meio italianado. Esse dicionário é quase perfeito, especialmente para quem não é ‘nativo’ deste chão!!!

E pra quem não sabe falar como a gente então manda  o dicionário abaixo:

  • Bocó: bobo
  • Burrichó: ver “bocó”
  • Cacetinho: pão francês
  • Cagá a pau: bater
  • Camassada de pau: apanhar
  • Campiá: procurar
  • Chumaço: conjunto de alguma coisa
  • Classe: carteira escolar
  • Cóça de laço: apanhar
  • Crêndios pai: exclamação quando algo dá errado
  • Cusco: cachorro
  • De revesgueio: de um tal jeito
  • Fincá: cravar
  • Garrão: calcanhar
  • Guisado: carne moída
  • Incebando: enrolando, fazendo cera
  • Ingrupi: enganar
  • Ínôzá: amarrar (já viu palavra com todas as sílabas com acento?)
  • Intertê: fazer passar o tempo com algo
  • Inticá: provocar
  • Invaretado: nervoso
  • Japona: jaqueta de lã ou nylon
  • Jóssa: coisa
  • Juca: pessoa desprovida de inteligência
  • Judiá: mal tratar
  • Kakedo: pessoas que não valem nada
  • Malinducado: mal educado
  • Mu-mu: doce de leite
  • Negrinho: brigadeiro
  • Paiêro: fumo de palha
  • Pânca: modo de se portar, por exemplo: panca de motoqueiro (jeito de motoqueiro)
  • Pare, home do céu: parar, o mesmo que ‘deusolivre home’.
  • Patente: vaso sanitário
  • Pestiado: com alguma doença
  • Pexada: acidente
  • Piá: menino
  • Pinicá: beliscar
  • Podá: ultrapassar, ou cortar, o mesmo que apodá
  • Pozá: dormir em algum lugar
  • Prenda: mulher
  • Rancho: compra do mês
  • Resbalão: escorregar
  • Sinalêra: semáforo
  • Táio: corte
  • Tchuco: bêbado
  • Trupicá: tropeçar
  • Tunda de laço: apanhar
  • Vortiada: passeio
  • Ximia: doce de passar no pão
  • Pão smirado – fatia de pão no qual se passou ximia

‘Capaz’ ninguém até hoje conseguiu uma definição clara, mas todo mundo fala.

Sem falar que não existe S no plural das palavras – Ex: os boi, os animal, os guri.

Exemplo de aplicação: Agora indica esse post pra intertê os teus amigo, aproveita enquanto teu chefe foi dá uma vortiada… Não sei como ele não vê que mesmo intuiado de trabalho tu fica incebando o dia inteiro… Pare de campiá desculpa, fica falando que tá pestiado e ainda consegue ingrupi o coitado do chefe… Mas vai logo, antes que ele volte e fique invaretado de te ver pescociando… Pare de se bostiá, home do céu, não seja malinducado e manda essa jóssa de uma vez…

Fauna ninja…

Ameaça Indígena…

Um importante comunicado da APDR – Associação Pistoleira Democrática Ruralista.

Acessório para Tessália…

Será que a Tessália usou esse acessório:

Não entendeu? Clique aqui.

Solitária…

Essa eu tive que quibar:

Homem diagnosticado com “coma” passa 23 anos consciente

Rom

Um erro de diagnóstico fez um homem passar 23 anos consciente e amarrado a uma cama enquanto médicos pensavam que ele estava em coma, na Bélgica.

Rom Houben, que tinha 23 anos quando sofreu um acidente de carro que o deixou completamente paralisado, foi submetido a vários exames normalmente utilizados para diagnosticar o coma, baseados em respostas motoras, verbais e oculares. Ele, no entanto, escutava e via tudo o que acontecia à sua volta, sem conseguir se comunicar com médicos, familiares e amigos.

Apenas alguns meses atrás, exames com aparelhos de tomografia de última geração mostraram que seu cérebro estava funcionando de maneira praticamente normal.

Houben foi então submetido a várias sessões de fisioterapia e, agora, consegue digitar mensagens em uma tela de computador.

***

Responda depressa: qual foi a primeira mensagem digitada por Rom?

a) “C*%#@ralhooooooooooooooooooo!!!”

b) “Rom entra na sala…”

c) Pela última vez: tirem da RedeTV!!!!!

d) “O diagnóstico errado eu até perdoo. Mas o enfermeiro veado do 6º andar… ah! Esse eu quero pegar de porrada!”

e) “Antes eu estivesse em coma. O babaca aqui passou duas décadas com uma maldita coceirinha no c*!”

Refletindo…

Não dá pra ser otimista com o universo. No início não havia nada. Aí explodiu tudo!

Vi no “The Best of Twitter” do Treta. Sempre uma boa pedida…